Valeixo, ex-diretor geral da PF, deve ser ouvido na segunda

0
Social

Equipe de investigação responsável pelo inquérito que apura suposta interferência política do presidente Bolsonaro na Polícia Federal querem ouvir o ex-diretor-geral da corporação, Maurício Valeixo. De acordo com informações do G1, a ideia é convocá-lo já na segunda-feira (11). Assim como ocorreu com o ex-ministro Sérgio Moro, Valeixo deve ser ouvido na sede da PF em Cutiriba.

Valeixo, ex-diretor da PF, deve ser ouvido na segunda-feira no inquérito que apura interferência de Bolsonaro na Polícia Federal.
Maurício Valeixo, ex-diretor-geral da Polícia Federal será ouvido em Curitiba – Foto | José Cruz | Agência Brasil

Inquérito investiga interferência política na PF

O inquérito foi instaurado a partir de um pedido da Procuradoria Geral da República ao Supremo Tribunal Federal a partir de declarações de Sérgio Moro numa coletiva de imprensa onde anunciou que deixaria o comando do Ministério da Justiça. Valeixo teria sido o cerne do conflito entre Moro e Bolsonaro, este queria, segundo Moro, destituir Valeiro do posto de diretor-geral da Polícia Federal sem uma razão plausível, o que feriria o acordo “carta branca” entre o ex-juiz da Lava Jato com o presidente da República para que aceitasse o ministério.

O relator do caso no STF é o ministro Celso de Mello que determinou no início da semana a oitiva de três ministros: General Heleno (Gabinete de Segurança Institucional da Presidência), General Ramos (Secretaria de Governo) e General Braga Netto (Casa Civil).

Conteúdo Relacionado
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *